O Facebook agora permite que organize concursos/passatempos diretamente na timeline da página: o bom, o mau e o horrível

Postado em Março 7, 2014 de

O Facebook fez uma alteração importante nos termos de serviço da plataforma. Há 2 anos atrás foi decidido proibir lançar concursos diretamente na página e obrigava ao uso de um aplicativo externo.

No dia 27 de Agosto deu uma volta de 180º graus. Agora que essa restrição foi levantada pode organizar um passatempo sem recorrer a um aplicativo externo.

A indústria inteira do Facebook Marketing levantou-se indignada nos últimos tempos, alguns a favor e outros contra. A maioria das empresas que comercializam aplicativos vieram a público reclamar que os marketers sérios continuariam a utilizar aplicativos externos.

Para ser transparente, a minha empresa Agorapulse oferece aplicativos de concursos para o Facebook mas fiz uma promessa ao Jay Bayer que este artigo será fundamentado em fatos e não opiniões pessoais.

Assim considerando os fatos (e apenas os fatos) vamos olhar para esta nova possibilidade e descobrir esta nova opção e descobrir se é positiva ou um cálice envenenado.

 

#1 – porquê lançar um concurso diretamente na timeline pode ser uma boa alternativa ?

Lançar um concurso diretamente na timeline apresenta duas grandes vantagens: é grátis e muito fácil.

Grátis porque não tem de pagar qualquer software adicional e fácil porque não tem de aprender a utilizar esse software nem gastar tempo a configurar a sua campanha.

Seja qual for o ângulo que você procure, terá menos custos associados com uma promoção que é lançada na timeline versus um aplicativo externo (sem software, sem design) e será muito mais rápido de implementar (5 minutos versus 30 minutos ou umas horas dependendo do nível de personalização que necessitará).

Esse fato pode ser muito apelativo para as pequenas empresas que têm pouco tempo e budget disponível. Se tem um orçamento maior poupar entre $50 e $200 (dependendo dos custos com a criatividade das imagens) e uma hora de configuração pode não ser a principal preocupação.

Contudo, mesmo se seu negócio não é muito pequeno, mas está a oferecer pequenos prémios com regularidade (bilhetes de cinema, bilhetes para concertos, prémios, etc.) investir tempo e dinheiro numa aplicação pode não ser o mais necessário.

Hoje em dia se oferece 2 bilhetes de cinema ou um conjunto de Playstations, eu aconselho-o a lançar o passatempo diretamente na timeline.

De certa forma, lançar um concurso/passatempo diretamente na timeline pode ser uma boa ideia se tem um pequeno negócio e está a oferecer prémios de baixo valor.

Xcite baits

se o seu negócio é vender anzóis para pesca (provavelmente não está no top 500 da Fortune) pode oferecer iscos para sua audiência.

 

Mas por exemplo esta publicação teve um número relevante de comentários e partilhas para uma página com 10.000 fãs.

 

#2 Quais são as desvantagens de lançar um concurso diretamente na timeline de sua página?

As vantagens são o fator custo e a facilidade de utilização (e poupança de tempo).

As desvantagens para as quais deve ficar atento:

Recrutamento de fãs

Muitas páginas recorrem aos concursos e promoções para fazer crescer a base de fãs. Se o seu objetivo (ou um de seus objetivos) é aumentar o número de fãs da página, não ficará satisfeito com a possibilidade nativa de realizar concursos/passatempos na Timeline.

Por outras palavras se lança um concurso na timeline não pode fazer com que os participantes tenham de gostar da página para entrarem no concurso.

Não é a melhor opção para aumentar sua base de fãs.

Recolha de dados

Outra vantagem de lançar concursos e passatempos no Facebook é a possibilidade de recolher informação qualificada sobre seus fãs, especialmente o seu email. Isso é possível utilizando um aplicativo externo dado que é necessário para participar a instalação do aplicativo que permite recolher informação do perfil pessoal e/ou pedir aos participantes para preencherem um formulário. Os dados dos fãs podem ser utilizados para ações de email marketing e  outros objetivos de marketing e a médio prazo podem acrescentar valor aos esforços em Facebook Marketing.

Aqui mais uma vez, a opção de realizar concursos na timeline não oferece esta possibilidade e não servirá os seus objetivos se pretende captar dados.

Não é uma boa ideia para captação de dados dos seus fãs.

Experiência do utilizador

Onde as aplicações podem oferecer diversão e uma experiências de utilização divertida, em que destaco por exemplo os quizzes, concursos de fotografia, os chamados testes de personalidade, se lançar uma um concurso/passatempo na timeline da página está a limitar as suas opções.

Basicamente pode pedir aos fãs que gostem de um post e escolher um vencedor entre todos os que gostaram, comentaram e escolher por exemplo o comentário mais interessante ou utilizar a opção random (atenção à regulamentação dos concursos) para selecionar o vencedor(es).

A opção nativa de realizar concursos e passatempos na timeline é de fato muito simples mas a experiência da página do utilizador será sempre limitada.

Não é uma boa ideia para contribuir para uma experiência positiva de participação na página.

 

#3 E quando lançar um passatempo na timeline da página pode ser um grande pesadelo

A parte menos positiva exponho agora. Os concursos e passatempos não são tão simples como publicar uma boa fotografia ou um status update na página.

Os passatempos/concursos requerem um regulamento, prémios, gestão das participações evitando fraudes, o respeito pela regulamentação em vigor e acima de tudo assegurar que os participantes têm uma boa experiência na página.

Respeito pelas regulamentações em vigor.

Os concursos/passatempos estão sujeitos a regulamentação específica. Vamos supor que é proprietário de um bar ou restaurante e lança um concurso na sua página cujo prémio consiste na oferta de um cocktail com alcool. Como é que pode assegurar que os participantes têm mais de 18 anos e que não vai oferecer o prémio a um vencedor menor ? Não consegue. Qual é o risco de premiar um participante menor com uma bebida alcólica ? A multa pode ser pesada…

No exemplo em baixo, uma mercearia local oferece vinho. Mas está a utilizar um aplicativo externo que com toda a certeza restringe a participação de menores de 18 anos. Se realizar esse concurso diretamente na timeline da página estará sujeito a multas.

1 - wine sweepstakes

As regras variam consoante os países.  Em Itália o concurso ou passatempo tem de ser suportado por um servidor localizado em Itália. Os servidores do Facebook estão localizados nos EUA.

Em França tem de dar conhecimento às autoridades locais. E o custo se não o faz? Mais de $40.000 de multa. E a lista continua e em cada país existem regras específicas.

Ou seja a aparente simplicidade e baixo custo de lançar um concurso/passatempo na timeline da página pode conduzir os Community managers a lançarem mecânicas que são ilegais no país arriscando-se à responsabilidade por uma multa.

Mas também a notar, se a maioria dos seus fãs está localizada num país onde está a respeitar a legistalação mas alguns deles estão em países em que está a violar a lei, o fato de o concurso/passatempo estar a acessível a estes fãs pode potencialmente criar um risco legal e custar mais do que se utilizasse uma aplicação externa.

Sei que muitos pequenos negócios já estavam a lançar concursos/promoções diretamente na página e muitos nunca tiveram qualquer problema legal. Verdade. Mas é como beber e conduzir. Pode conduzir sob influência do alcool durante muito tempo sem sem apanhado até que um dia é apanhado pela polícia numa fiscalização de rotina.

Nem todos são apanhados, mas alguns quando são, o valor da multa não é mais baixo porque todos os outros estão a fazer a mesma coisa…

Ter regras claras

O concurso/passatempo ter um regulamento e mostra-lo aos participantes para que o aceitem antes de participarem é em alguns países um pré-requisito. Mais uma vez aqui a simplicidade e o baixo custo de se lançar um concurso/passatempo na timeline pode fazer esquecer este procedimento. O custo deste esquecimento pode ser significativo. Em alguns países a multa ascende aos $15.000.

Engraçado o exemplo utilizado pelo Facebook  ao anunciar que pode lançar concursos/promoções na timeline da página é um post que não menciona a necessidade do regulamento.

Mesmo os melhores podem falhar… ver em baixo.

2 - Sample timeline promotion 

A evitar batoteiros e burlões  

Um dos problemas que encontrámos com a maior parte dos clientes que lançam concursos/passatempos é a fraude.

Os utilizadores tentam jogar com o sistema. Criam contas falsas, têm amigos fictícios que gostam das suas participações e fazem todo o tipo de coisas para aumentar as hipósese de ganharem o prémio.

Há 2 problemas com esta situação: 1/ o seu prémio valioso pode ser atribuído ao impostor. 2/ Todos os participantes legítimos ficam realmente aborrecidos. Não só se apercebem do comportamento dos batoteiros mas ficam desmotivados a participarem porque sabem que têm menos probabilidades de ganhar.

Identificar comportamentos fraudulentos, banir os infratores e deixar que cada participante saiba que fez isso para evitar que os seus participantes “válidos” desapareçam ou não parem de se queixar.

3 - Cadburry cheating

Quando os participantes pressentem que outros não estão a jogar honestamente, são rápidos a transmitir essa situação na página.

E o melhor é responder apropriadamente e deixar as coisas claras antes que culpem a página.

Se lança um passatempo na timeline baseado em gostos ou comentários prepare-se para enfrentar situações deste tipo. Não vai ter como as prevenir ou evitar.  Se azedar e pode acontecer vai observar a sua comunidade detestar a página por esta razão.

As aplicações externas oferecem inúmeras opções para detetar comportamentos fraudulentos e bani-los.

 

Gestão das participações e atribuição de prémios

Vamos a um exemplo: tem 100.000 fãs e alcança cerca de 15% deles com o seu post. Pede aos fãs para sugerirem um nome para o seu próximo produto.

10% dos utilizadores que viram o post sugerem um nome nos comentários; fica com 1500 comentários para analisar.

Primeiro, os comentários são mostrados 50 de cada vez. Esteja preparado para clicar 30 vezes no “ver mais” e tire 30 printscreens para ter as participações arrumadas em algum local para posterior consulta. Depois se quiser ser justo com todos os participantes (quer, certo?) não tem outra forma de filtrar os comentários, vai ter de ler 1500 comentários, utilizar uma caneta para destacar os melhores e voltar atrás para decidir quais os vencedores.

Parece complicado, não ?  Bem, a dura verdade, é…

Vamos analisar outro exemplo: Tem 20.000 fãs e alcança 20% deles com o seu post.  Pede-lhe para gostar do post e promete aleatoriamente selecionar um vencedor entre quem gostou. Metade dos utilizadores que viram o post, gostaram, porque é muito mais fácil (muito mais do que acrescentar um comentário). Segue o conselho do Facebook e de seguida paga o “boost post” e obtem mais visibilidade para o seu post. Gasta €50 e duplica o alcance do post assim como o número de Gostos.

Acaba com 4000 gostos entre os quais tem de selecionar um vencedor.

Tal como os comentários, os gostos são mostrados 50 de cada vez. Agora tem de clicar 80 vezes no “ver mais”. Outra vez isto é porque quer ser justo para todos os participantes e dar a todos uma oportunidade. Se clicou apenas 40 vezes e escolheu alguém, desqualificou metade dos participantes, os que participaram em primeiro lugar. Como imagino que é uma pessoa honesta, não pode fazer isso, correto ?

Se quer faze-lo bem, deve imprimir todos os nomes dos participantes e de seguida encontrar uma forma criativa para fazer a seleção. Honestamente não sei se isso é exequível. Assim até que um developer crie uma solução para isso, será um processo penoso. No final para o fazer corretamente vai precisar de algum tipo de software e pagar por isso.

4 - likers

Os gostos num post são mostrados 50 de cada vez. Analisar milhares de comentários pode ser uma tarefa assustadora se não tiver algum tipo de software que o ajude.

 

Está por sua conta

O Facebook é muito claro nas suas guidelines:

“4. We will not assist you in the administration of your promotion, and you agree that if you use our service to administer your promotion, you do so at your own risk.”

Se as coisas não funcionarem, se uma utilizador não conseguir comentar, se acontecer um bug, se… bom percebe o que eu estou a dizer, está por sua conta, não existe um serviço de apoio, não há qualquer tipo de explicações para dar, você é o único responsável.

Organizar um concurso/passatempo com uma aplicação externa tem vantagens e uma grande é o fato de falar com alguém para corrigir o seu problema ou dar-lhe uma explicação para o que não está a funcionar.

Quando estiver em apuros é muito bom ter alguém ao seu lado para o ajudar.

 

#4 Em síntese, quais são os elementos chave para ter em consideração antes de lançar um concurso/passatempo na timeline da sua página

Ok passamos em revista o bom, o mau e o horrível de lançar um concurso/passatempo diretamente na sua página, não existe um mundo branco ou preto, mas o que deve ter em conta para lançar um concurso/passatempo na sua página ?

A dimensão é relevante

Se tem uma audiência pequena, a maior parte dos pontos listados em baixo não terão grande impato no resultado final. Mais a gestão das participações e a seleção dos vencedores não serão um grande problema. Um negócio local com entre 500 e 5000 fãs poderá optar pela utilização da timeline para lançamento de um concurso/passatempo.

Se tem uma página com um número significativo de fãs, dezenas de milhares de fãs ou mais, tem de refletir e pensar nos pros e contras antes de tomar uma decisão.

O valor dos prémios

Atendendo às questões de fraude e à gestão de participações e aos prémios mencionados em cima. Quanto maior for o prémio, maior será o pesadelo.

O contrário é verdade, se está a oferecer prémios de baixo valor e nesse caso os participantes não estarão preocupados com questões de fraude, nem se preocuparão tanto como os vencedores foram escolhidos. Bem, até podem, mas esquecerão rapidamente.

Se estiver a oferecer uma refeição de $20 ou 2 bilhetes de cinema, isto pode ser uma boa opção. Se for oferecer uma semana de férias no valor de $1000 pense duas vezes.

Ajusta-se aos seus objetivos

Se não necessita (ou não quer) emails ou novos fãs ou nenhum valor acrescentado que está associado a uma aplicação externa, então provavelmente não necessita de uma. Essas são as boas razões para escolher a opção nativa para lançar um concurso/passatempo na timeline.

Orçamento

Falta de orçamento não é uma boa razão para lançar um concurso/passatempo diretamente na timeline na sua página.
O custo da utilização de uma aplicação externa não é nada comparada com o custo da criação das regras e da gestão das participações.
Com aplicações cujo custo começa nos $29 por mês, o custo nem deve ter tomado em consideração.

 

Agora é a sua vez! Pensa que este blog post está equilibrado ? Concorda com os pontos mencionados ?

Tem mais comentários para acrescentar ? Mal posso esperar para ler os seus comentários!