Como conseguir o melhor das estatísticas de engajamento do Instagram

Postado em Outubro 13, 2015 de

pt-engajamento-instagram (2)

Esse artigo foi traduzido e adaptado com exemplos de perfis estrangeiros no Instagram para que você aprenda como conseguir o melhor das estatísticas de engajamento do Instagram. O texto original está em inglês e foi escrito por . Clique aqui  caso queira conferir o texto original!

Um olhar superficial sobre qualquer estatística de envolvimento no Instagram vai fazer você considerar seriamente esta plataforma para o seu negócio.

O Instagram tem cerca de 300 milhões de usuários ativos mensais, “likes” com aproximadamente 2,5 bilhões de fotos e vídeos por dia, fazendo do Instagram o rei indiscutível de envolvimento. Na verdade, o pós media no Instagram tem (a partir do primeiro trimestre de 2015) uma taxa de interação de 4,80, superando Twitter de 0,25 e 0,72 do Facebook.

Essa alta participação foi creditada ao fato das fotos não serem específicas do idioma (para campanhas no Instagram pode ser implementado globalmente com pouca necessidade de tradução); O recurso de toque duplo do Instagram, que permite aos usuários “curtir” uma série de imagens muito rapidamente; e, uma vez que os mais jovens são mais propensos a serem mais ativos nas redes sociais de mídias mais recentes e mais populares, as idades médias do usuário é relativamente de jovens.

Mas, mesmo assim, nem sempre é fácil ver como o Instagram pode ser usado para finalidades empresariais. Configurações bastante limitadas da plataforma podem aparecer para colocar restrições sobre os tipos de campanhas de marketing que podem acomodar.

O truque é trabalhar com a plataforma, para tirar proveito do que ela oferece, sem pré-decidir como a sua campanha vai olhar. O Instagram incentiva as empresas a fazerem exatamente isso com seu ‘Instagram for Business blog’, que vale à pena conferir!

Dito isso, nós concluímos que existem três coisas essenciais que não se deve esquecer para garantir que a sua campanha faça o melhor que o engajamento tem para oferecer.

Marca X comercialização

Quando se trata de Instagram, uma distinção crucial é a diferença entre marca e comercialização. Em suma, o marketing permite que os consumidores saibam o que você faz; marca lhe diz quem você é.

Na prática, isso significa encontrar um bom equilíbrio entre a diversão, interessante ou socialmente consciente, fotos e imagens de forma mais explícita de negócios.

O primeiro, embora não diretamente relacionado com as atividades do seu negócio, revela a personalidade do seu negócio – o que você gosta, o que você faz, o que você se preocupa, e o que você representa. Este último pode ser usado para promover promoções e ofertas, informar aos consumidores sobre a evolução mais recente do seu negócio e, geralmente, ligar o seu produto / serviço.

Se você encher os feeds de seus usuários com imagens de marca, é improvável que você tenha os resultados financeiros significativos – isso é percebido como sendo um vendedor muito agressivo e superficial. Porém, por outro lado, se você só postar imagens de marketing, os usuários tendem a ficar entediados, irritados, e, eventualmente, vão deixar de seguir você – eles se tornam imunes as publicações muito exageradas, que se esforçam para ser muito legal ou relevante.

Não há método perfeito ou fórmula para conseguir este equilíbrio certo, por isso é melhor para monitorar as mensagens que seus seguidores estão interagindo e com quem eles não estão, e adequar a sua campanha nesse sentido. É tudo em nome da melhoria contínua e entrega do conteúdo que seu público quer (ou seja, aquilo que eles interagem mais)!

Hashtags feita da forma correta

Como a maioria das redes sociais permite e promove o uso de hashtags, eles oferecem uma maneira fantástica de vincular suas atividades de mídia social através de múltiplas plataformas, e até mesmo permitem que o conteúdo publicado em um deles seja visto em outro.

As empresas entendem que eles são uma das maneiras mais fáceis de pesquisar no Instagram (na verdade usá-los erradamente torna os conteúdos virtualmente privados), por isso não tende a ter mais hashtags no Instagram do que qualquer outra plataforma.

Os maiores erros que os comerciantes cometem quando utilizam as hashtags é quando usam demais e as tornam muito genéricas.

Como regra geral, você não deve usar mais que cinco hashtags por post. Sobrecarga de mensagens com muitos hashtags tende a diluir o seu impacto e dá uma impressão de desespero e carência – não é bom!

E você deve manter hashtags bastante singulares. Por exemplo, enquanto este post está sendo escrito, 883,658,128 fotos no Instagram foram publicadas ao lado #love. Então um post #love é provável que se enterram muito rapidamente.

Para as organizações menores, é melhor usar hashtags que se relacionam com as coisas de interesse local ou tópica. As organizações maiores devem tentar criar o seu próprio.

A Nike usa a hashtag (#justdoit) e tem um sucesso incrível com ela. Mas lembre-se que esta, é a única hashtag da marca e é também o seu slogan de renome mundial (Just do it)… então pense cuidadosamente em como você pode abordar o debate de sua própria hashtag para obter sucesso também!

Nike-fanpage

Freqüência de publicação

Decidir quantas vezes postar a mensagem é outro ato de equilíbrio complicado no Instagram. Você quer prender a atenção do seu público, mas você não quer que eles sintam que sua marca cria spam ou se sintam inversamente desapontados com a falta de atividade.

No entanto, a pesquisa sugere que você pode ir mais longe do que você pode pensar.

A Union Metrics realizou uma pesquisa em 55 marcas ao longo de vários meses. Em média, as marcas postaram 1,5 vezes por dia. Mas, surpreendentemente, não houve correlação entre alta frequência de publicação e baixo engajamento ou aumento das respostas negativas.

Dito isso, vale a pena lembrar que a pesquisa foi realizada em marcas reais com algo a perder, o que significa que nenhuma teve over-posting em um grau absurdo; uma vez que todas as marcas estavam postando de uma forma bastante sensata, não há nenhuma evidência sugerindo que você pode postar quatro, cinco, ou seis vezes por dia e não perder seguidores.

Algumas  marcas que entendem a respeito de publicidade no Instagram:

Republic of Tea

O Instagram The Republic of Tea (A República do chá)  cuida de detalhes e por isso atende bem seus clientes. O perfil equilibra entre fotos atraentes de produtos da marca, momentos de sua equipe e as publicações interessantes e mantém o público engajado, perguntando-lhes sobre as preferências dos tipos de chá que a empresa fornece.

Estas perguntas são entregues de uma forma simples, esteticamente agradável, com a questão atualmente sendo parte da imagem. Isto significa que os seguidores não perdem o texto, e desperta algumas ótimas conversas online.

Saint Heron

Saint Heron  é um blog de música, cultura e artes, prospera em web-tráfego. E uma das maneiras que a empresa obtém os leitores interessados é com uma campanha de Instagram arrumada.

A companhia opera um exemplo clássico de uma conta temática no Instagram, e amarra as mensagens em conjunto com opções de cores, e muitas fotografias interessantes e intrigantes. E está trabalhando: com 20.5k seguidores, as pessoas gostam de Saint Heron. Não discordamos.

Visit New Orleans

Visite Nova Orleans, uma agência de turismo. Eles conseguem manter seu Instagram alimentando cargas de alta qualidade, conteúdo original por pedir às pessoas para fazer upload de suas próprias fotografias. Esta abordagem colaborativa garante que as pessoas permaneçam engajados e interessados na conta. E a abordagem ‘Visite New Orleans ‘para o Instagram significa todo o seu conteúdo é orgânico – já que muitas pessoas querem se envolver, eles simplesmente colhem as melhores fotos e as publicam. A estratégia de conteúdo gerado pelo usuário é o seu melhor!

 

Tracee Ellis Ross

Nós adoramos celebridades imprevisíveis, e Tracee Ellis Ross, estrela do Black-ish, é só isso. (Mas de uma boa forma.) Muitas celebridades são capazes de usar seu status para tirar o máximo de níveis de alto engajamento do Instagram – Os seguidores tem prazer em somente ver as publicações de suas celebridades, não importando se tiveram ou não criatividades para os posts.

No entanto as publicações de Tracee Ellis Ross são nada convencionais, mas que dão aos seus seguidores um sentido real da personalidade do ator. Risonho e otimista, o relato de Tracee ilumina dias e mostra sua paixão, talento e luz. Outras celebridades: tomem nota!

Essas quatro pessoas são apenas alguns dos que nós consideramos os melhores negócios para seguir no Instagram. Iremos escrever sobre marcas brasileiras.

Você está usando Instagram para o seu negócio? Gostaríamos muito de ouvir suas dicas sobre como criar uma grande campanha e como deixar os seguidores engajados. Compartilhe conosco logo abaixo.


Publicitária, amante de marketing digital e relacionamento com cliente. Thiara juntou-se a AgoraPulse em 2015 para desenvolver conteúdo estratégico voltado ao mercado Brasileiro e Português. É responsável também pelo Atendimento ao Cliente e Web Marketing da empresa para países de língua portuguesa. Nas horas vagas gosta de falar de moda e esportes.