Evite 7 erros de principiantes no marketing de influencia

Postado em Abril 12, 2017 de

PT-erros-principiantes-no-marketing-de-influencia-FB

Artigo escrito originalmente por , para ler em inglês clique aqui, ou continue lendo em português.

O marketing de influencia tem muitas formas, desde postagens de blog patrocinadas até a colocação de produtos em fotos do Instagram e em vídeos do YouTube.

O conceito por trás disso é bastante simples. Um negócio se une com um indivíduo que tem influência social. O influenciador promove produtos ou serviços específicos para seu público. Ambos ganham.

Esta nova tomada em marketing boca-a-boca pode ser incrivelmente eficaz.

TapInfluence descobriu que o marketing de influencia pode aumentar as vendas ROI  em até 11 vezes !!

No entanto, muitos profissionais de marketing são vítimas de erros novatos e comprometem seu sucesso!

Neste post, vamos dar uma olhada em alguns dos erros mais comuns no marketing de influencia e mostrar-lhe como evitá-los!

1. Iniciar sem um objetivo traçado

Cada vez que você cria uma campanha de marketing, você define uma meta específica. Você precisa fazer a mesma coisa aqui! Se você não fizer isso, você cometeu o erro de marketing Numero Uno.

A menos que você avalie o sucesso desta campanha e acompanhe métricas-chave, você não saberá qual é o seu ROI real.

Descobrir os KPIs que você precisa para acompanhar e como você vai fazer isso antes de começar a trabalhar no resto.

Suas métricas precisam se alinhar com o objetivo geral de sua campanha. Você pode querer acompanhar o envolvimento, visitas ao site, vendas e outras medidas importantes.

2. Não fazer sua pesquisa sobre o influenciador

Antes que você possa começar a executar sua campanha de marketing de influencia, você precisa encontrar os influenciadores corretos.

Quando você executa uma campanha em conjunto, esse influenciador se torna um rosto público de sua marca. Isso significa que seu nome será associado com suas ações para a extensão da relação – e mesmo para além dela.

O recente desastre entre PewDiePie e a Disney foi um lembrete de alto perfil do que pode acontecer quando duas entidades incompatíveis se unem.

Em vez disso, encontre um influenciador cujas crenças e comportamento se alinham com sua marca. Caso contrário, o relacionamento só se tornará um problema.

3. Não entender o público do influenciador

Diferentes influenciadores atraem pessoas diferentes.

Isso não é nenhuma surpresa, eu sei! Mas, pesquisando e compreendendo seu público antes de iniciar um relacionamento é crucial. Afinal, a razão pela qual você está trabalhando com o influenciador, em primeiro lugar, é bater nessa audiência.

Então, qual próximo o perfil do público do influenciador se encaixa com seu perfil de cliente ideal? Como nada é 100% perfeito, será necessário um estudo detalhado para que o investimento seja merecido.

Se você vende sacos de couro de alta qualidade e alto preço trabalhando com um influenciador que atrai em grande parte o comprador de 15 á 25 anos tanto homem quanto mulher, não será o melhor negócio para qualquer um de vocês.

4. Depender unicamente de seguidores para influenciar

O número de seguidores de mídia social que alguém tem pode lhe dar uma indicação de sua influência. Mas, existem diversas maneiras obscuras de construir um seguimento no Twitter ou Instagram que desprendem a aparência de influência.

Você precisa ir além disso e verificar as taxas de engajamento, compartilhamentos e comentários.

Como está envolvido esse influenciador nas conversas com sua comunidade? Quão ativos seus seguidores são?

Um influenciador de nicho com um seguimento pequeno e engajado pode ser muito mais valioso para você do que um generalista com um enorme acompanhamento que realmente não os escuta.

A aba “Usuários” na Agorapulse pode ajudá-lo a encontrar os influenciadores em seu próprio público de mídia social!

marketing de influencia

Inicie sessão na sua conta, selecione o seu perfil do Twitter e toque no ícone do troféu! Ele irá mostrar-lhe qualquer influenciadores que segui-lo!

cta-team-pt

5.  Esconder seu relacionamento com o influenciador

Você pode criar uma campanha de influencer de duas principais maneiras. Você pode pagá-los ou você pode conseguir a influência dele para o seu produto.

Se você está pagando o influenciador de qualquer forma, eles precisam declarar esse relacionamento. Se não o fizerem, ambos estão ameaçando sua reputação e correm o risco de perder a confiança de seus seguidores.

A Instagrammer (ou blogueira como  muitos falam no brasil) Julia Faria cria postagens patrocinadas para diversos produtos brasileiros como a Ipanema, Veet entre outros e até mesmo pousadas das quais se hospeda durante suas viagens de trabalho.  Ela sempre arruma uma forma de criar um post bacana com o produto a mostra para exibir ao seus seguidores e ao mesmo tempo mostrar que também usa.

Porém, cada post é marcado com a hashtag #publipost e a hashtag do lugar que ela está hospedada ou até de um produto que uso e term parceria, indicando assim o relacionamento.

No exemplo abaixo ela menciona a Ipanema Brasil com a hashtag #ipanemaoficial

Já nesse outro exemplo ela menciona a Veet Brasil a hashtag #Veet e #publipost

Ambos exemplos destacado acima, a blogger exibe o produto que está divulgando e a hashtag da própria marca seguida da hashtag de divulgação, não nos deixando qualquer dúvida do relacionamento e parceria existente.

Esta é a maneira certa de fazer marketing de influencia.

Não esconda seu relacionamento com influenciadores. E certifique-se de que os influenciadores não escondam o relacionamento que tem com você.

Caso seus seguidores descobram (eles sempre descobrem tudo), pode destruir sua credibilidade.

6.  Escolher um grande nome quando um nicho seria mais eficaz

Maior nem sempre é melhor.

Um influenciador com um público-alvo que alinha perfeitamente com o seu cliente ideal será muito mais valioso do que uma celebridade maior.

Influência não é sobre o tamanho. É sobre a confiança entre uma pessoa e sua audiência. Usando alguns influenciadores menores com seguidores engajados será muito mais eficaz do que colocar todas as suas apostas em um grande nome. E, será melhor para sua carteira!

7. Acreditar que seu negócio não pode se beneficiar do marketing de influencia

Evitar o marketing de influencia porque você não acha que seu negócio é grande o suficiente é um erro. As pequenas empresas podem ver o ROI sólido do marketing de influencia se for abordado corretamente.

Influência é sobre a confiança.

Um influenciador útil é alguém que construiu e desenvolveu o seu “saber, como, e confiança” fator e provou-se a sua audiência. As pequenas empresas podem aproveitar isso em um nível micro.

Se você gerencia um restaurante local, procure bloggers sobre comida local com seguidores que vivem na área. Se você tem um nicho de loja de decoração procure blogueiros nesse campo.

Não deixe seu tamanho privá-lo de alcançar as pessoas que querem comprar o seu material!

Então… E você e o marketing de influencia?

Hoje em dia, confiamos em anúncios cada vez menos. Um relatório de 2016 da Interactive Advertising Bureau  mostrou que 26% dos usuários de desktop usam bloqueadores de anúncios e esse número só deve crescer.

Somos pessoas reais. Confiamos em recomendações de outros como nós muito mais do que anúncios brilhantes. O consumidor médio prefere um pouco mais de humanidade em suas interações com marcas. Isso pode explicar por que o marketing com influenciadores está decolando. Explorar os relacionamentos que eles criaram com seus públicos pode ter um efeito extraordinário em seu negócio.

Evite estes erros de marketing de influencia e comece a construir campanhas sustentáveis que irão ajudá-lo a aumentar a sua marca (e influência!)

Publicitária, amante de marketing digital e relacionamento com cliente. Thiara juntou-se a AgoraPulse em 2015 para desenvolver conteúdo estratégico voltado ao mercado Brasileiro e Português. É responsável também pelo Atendimento ao Cliente e Web Marketing da empresa para países de língua portuguesa. Nas horas vagas gosta de falar de moda e esportes.